| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

Zine O PrOpAgAnDiStA
Desde: 08/09/2003      Publicadas: 52      Atualização: 11/10/2005

Capa |  ANARQUIA!  |  Boletim do Kaos!  |  CPTM  |  CURIOSIDADES  |  Suburbano Convícto


 CURIOSIDADES

  02/02/2004
  0 comentário(s)


Maconha pode ser remédio

Maconha pode ser remédio
por Marilia Daniela



No Canadá alguns pacientes já utilizam a cannabis sativa como medicamento, no tratamento de neuropatia periférica, em fase pós infarto cerebral, em Aids, ou qualquer outra condição clínica associada a um quadro importante de dor crônica. A droga também beneficia os casos que necessitam de quimioterapia. No Brasil, isso não vai acontecer tão cedo, principalmente devido às dificuldades no controle da erva como medicamento.

Por aqui, muitos oncologistas e pacientes defendem o uso da maconha, ou THC (seu principal componente já estudado) como agente antiemético. De acordo com o médico oncologista Eduardo Silveira, “a maconha poderia ser um caminho para o tratamento dos pacientes com câncer, porém, precisariam ser estabelecidos locais legalmente autorizados para a compra. O produto é muito caro, e as plantações legais exigiriam vigilância permanente”.

Segundo o médico, as pesquisas mais adiantadas sobre o assunto no país estão sendo feitas pelo Hospital do Câncer. Além de investir em estudos e material humano, o hospital coloca todas as informações recolhidas à disposição de médicos e demais interessados no site www.hcancer.org.br

Pressão mundial - No mundo todo a pressão pública exige a aprovação do uso medicinal da maconha. Nos Estados unidos, o órgão responsável pelo controle de medicamentos (The Office of National Drug Control Policy, Washington, Dc)xxxx patrocinou um estudo realizado pelo Institute of Medicine, que teve como autores o Dr. Stanley J. Watson, o Dr. Jonh A. Benson e a Dra. Janet E. Joy.

O objetivo era avaliar as evidências científicas dos benefícios e dos riscos do uso da maconha na medicina. O estudo baseou-se em conhecimentos científicos e populares e foi publicado na revista Archives of General Psychiatry de junho de 2000. Determinar o que é verdadeiro e o que é falso a respeito do efeito terapêutico da maconha e faz uma revisão sobre os mecanismos e locais de ação da droga. Inclui também uma análise dos efeitos crônicos e agudos da maconha, sendo comparados os seus efeitos adversos com os de outras drogas já padronizadas.

Evidências de pesquisas em animais e em homens indicam que a maconha pode produzir um efeito analgésico importante, porém mais estudos devem ser feitos para estabelecer a magnitude e a duração deste efeito nas diversas condições clínicas.

Outros sites que tratam do assunto: www.epub.org.br/correio/medicina.

www.observatoriodaimprensa.com.br.

www.ada.com.br/unimed/noticia/maconha.

www.maconharia.8m.com.

www.cannabista.hpg.ig.com.br.




matéria original:


  Mais notícias da seção INFORMES no caderno CURIOSIDADES
04/11/2003 - INFORMES - Saiba como a maconha tornou-se ilegal.
A História Esquecida da Maconha ...



Capa |  ANARQUIA!  |  Boletim do Kaos!  |  CPTM  |  CURIOSIDADES  |  Suburbano Convícto
Busca em

  
52 Notícias